Home / Colunistas / Controlando Minha Televisão

Controlando Minha Televisão

A Record adora cancelar suas ótimas novelas da tarde para passar o sempre repetido “Titanic”. Até fazia tempo que isso não acontecia em feriados, mas aconteceu de novo. Sou muito mais “Ribeirão do Tempo” e “Vidas em Jogo”.
Já ouviu falar do tal fair play?
Existe campeonato de futebol entre jornalistas esportivos, e nestes eventos não têm “fair play” e muito menos amizade entre os “atletas”. Algo que é sempre muito cobrado por profissionais da imprensa que parecem viver em um mundo paralelo.
Uma outra discussão eterna é novela. Sempre tem algum teórico debatendo. E toda trama de sucesso tem mais ou menos o mesmo enredo. O mocinho e a mocinha lutando por um amor que muita gente é contra. Não sai muito disso.
Já faz mais de uma semana que terminou o “Big Brother”. Aquelas “polêmicas” bobas e inventadas já estão esfriando. Graças a Deus!
 
Mudando de assunto…

O “Domingão do Faustão” está muito bom. O programa está se reinventando. É bom de assistir. O apresentador veio do rádio. Isso explica muita coisa.
Fiquei feliz com a volta de programais globais que eu adoro. Sempre bom assistir “Mister Brau” e “Profissão Repórter”.
Outro dia acabei achando na internet um documentário sobre fotógrafos. Sensacional. Eu adoro essa vida de tirar retratos. Pena que o assunto é pouco falado na televisão. Um “Globo Repórter” sobre o assunto não seria nada ruim.
Estava reparando, Celso Freitas, apresentador da Record, é muito bom. E isso desde sempre. Lógico que lembro muito dele na época da Globo. E tem um tom de voz único.
Uma atriz que é sempre muito parecida em tudo que faz?
Maitê Proença. Ainda quero me surpreender com esta atriz.
Acho curioso e legal ver ex-jornalistas da Globo fazendo propaganda (Fátima Bernardes, Tiago Leifert, Patrícia Poeta…).
Quando um artista ou famoso é massacrado pelas redes sociais, aí que eu gosto mais e mais do sujeito. Sempre bom lembrar.
No último dia dezenove foi aniversário do Rei Roberto Carlos. Que tal um especial do cantor uma vez por mês? Eu assistiria tudo.
Falando em Rei…
Lembrei da sua ex-esposa e atriz Myriam Rios. Ela poderia fazer mais novelas. É uma boa atriz.
E sempre leio e escuto que a empresa de mídia A ou B proibiu algo. E, lógico, surge um chato reclamando de censura. Onde trabalho também tenho limites. Acho isso bem normal. Não posso sair por aí falando qualquer coisa. Esses falsos revolucionários são malas demais.
O pobre coitado do meu controle remoto anda trabalhando muito. Na última quinta gastei muita pilha entre Globo (Os Dias Eram Assim) e SBT (A Praça é Nossa).

Sobre Marcio Torvano

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Para topo
krolick trovinger.melita@mailxu.com