Home / Colunistas / Palavras Televisivas

Palavras Televisivas

Leio que “A Garota da Moto” vai voltar no SBT. Uma série que não é boa e não é ruim. Por isso gosto. Não tem nada a ver, mas fez eu lembrar da saudosa “Turma do Gueto”, Record. Era ruim, mas era ótima.
Engraçado, começa uma novela e leio várias pessoas reclamando. Muitos falando que a trama é fraca. E com o passar do tempo… Sucesso total.
E o “Video Game” voltou ao “Vídeo Show”. Um game entre artistas falando de televisão. Eu gosto, mas deveria ser um programa, e não um quadro dentro de outra atração. E outra coisa, o programa abriu o “Vídeo Show”. Deveria encerrar.
E será que a Angélica merecia algo maior na Globo? Se fosse no passado, ela ficaria bem apresentando o “Globo de Ouro”.
Sem falar que antes reclamavam do programa da loira. Agora só leio elogios. Mundo estranho.

Mudando de assunto…

Novela com muitos atores novatos é ruim. Novela com muitos atores veteranos é ruim. Equilíbrio é tudo.

E sobre “O Outro Lado do Paraíso”, Globo.
Laura Cardoso apareceu de cabelo vermelho. Ficou bem estranha. Confesso que lembrei do Pica Pau e do Chapolin. Com todo o respeito.

Aproveitando…
Ainda acho que acho que “O Outro Lado do Paraíso” merecia um pouco de humor. Não muito, só um pouco. Mas também fico curioso para saber se uma trama aguenta tantos meses com uma história “pesada”.

Indo para os filmes…

Aqueles filmes da “Sessão da Tarde”, Globo, aqueles bem repetidos, são os que eu mais gosto. E pena que no “Domingo Maior” pararam de passar filmes velhos.
Outro assunto…
Todo ano eu falo, e tenho que repetir. A parte do “virar a cadeira” do “The Voice Brasil”, Globo, é muito boa. Merecia um programa só com esse momento.
E sabe o que já está virando tradição?
Assistir o “Chaves”, SBT, todo domingo pela manhã. Apesar, que “Chaves” não precisar ter dia e nem hora para ser bom.

Mais uma daquelas dúvidas…

Você já reparou que jornalista esportivo adora terminar com campeonato que não terminou?
Estou gostando de quase todas as novelas que estão no ar atualmente. Mas “Pega Pega”, Globo, está incrível. Uma trama que é simples e ao mesmo tempo cheia de mistérios, muito bem amarrada.
Nada como uma novela ousada. Por instante lembrei de “A Próxima Vítima”, Globo. E, claro, do meu autor favorito, Silvio de Abreu.
Para fechar…
Continuo sentindo muita falta do José Mayer nas novelas. O público não pode ficar sem o talento deste grande ator.

Sobre Marcio Torvano

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Para topo
sianez@mailxu.com stuberyolando@mailxu.com