Home / Colunistas / Uma televisão cheia de alternativas

Uma televisão cheia de alternativas

Notícias importantes…
Um dia é uma atriz que não come abóbora e no outro é a roupa da apresentadora do jornal. Assim que eu gosto. Nada muito sério. HAHAHA
O politicamente correto não quer que eu goste do Danilo Gentili. Mas eu adoro, acho engraçado e não fico reclamando dele na internet. Adoro seu humor com cara de quinta série. Parabéns ao SBT que tem um profissional muito engraçado em seu elenco.
Mais uma daquelas que eu não lembro se já falei, mas…
Notícia urgente na televisão tem que ser realmente urgente. O plantão tem que ser algo extraordinário. Só para avisar.
E mais uma novela da Globo não vai terminar na sexta-feira. Que triste. A ótima “Rock Story” vai ter o seu último capítulo exibido em uma segunda. Ruim demais. Quem foi o gênio que teve esta ideia?
Ainda sobre “Rock Story”…
Vários atores se destacaram na trama, mas dois em especial, Leandro Daniel (William) e Paulo Verlings (Romildo). Os bandidos atrapalhados são demais. Minha mãe ri muito.
Não consigo ficar sem as reprises da Record. Duas novelas ótimas, “Ribeirão do Tempo” e “Vidas em Jogo”. Só tem um problema, eu não resisto e assisto todos os finais no YouTube. Já sei tudo que vai acontecer. Caso a Record não exiba algum final “alternativo”. Deus queira que não.
Aproveitando…
Assistindo reprises e novelas inéditas, eu vejo praticamente o mesmo ator o dia inteiro na tela da Record. Sem falar de atores que eu nem sabia que estavam na emissora dos Bispos.
Ainda sobre novela, ou algo assim…
Parece que enfim, “Os Dias Eram Assim” (Globo) está embalando. Terminou a parte óbvia sobre ditadura. Uma minissérie com cara de novela e que está ficando boa como novela.
E só para lembrar…
Gosto dos debates, sobre qualquer assunto, do “Superpop” (Rede TV!). E os desfiles de moda durante o programa também são bons demais.
Confesso que ainda não assisti nenhum “Conversa com Bial” (Globo), no horário do programa. Mas já vi alguns programas pela internet. Gostei bastante. O Pedro Bial é um apresentador/entrevistador diferente da maioria. E mais legal de tudo, não imita ninguém.
Uma saudade?
De quando o “Vale a Pena Ver de Novo” (Globo), reprisava novela realmente antiga.
E lembrando minha época de adolescente…
Sou do tempo da “Sexta Sexy” (Band). Os filmes eróticos que mostravam tudo e não mostravam nada. Tempos depois virou o “Cine Privê” aos sábados.
Aproveitando…
Tempos atrás existiam muitos programas sobre sexo na televisão. Sumiram todos. Precisamos conversar mais sobre este assunto. Você topa?

Sobre Marcio Torvano

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Para topo
tinnes@mailxu.com