Alegrias e tristeza da minha televisão

E no ano passado…
Nesta mesma coluna falei sobre novelas das 21 horas do Walcyr Carrasco. Lembrei muito de “Amor à Vida” (2013/2014). Trama central boa e tramas paralelas bobas e perdidas. Vilão que vira mocinho e personagens sérios que se tornam bobalhões. E tudo isso aconteceu em “O Outro Lado do Paraíso”, Globo. E muita gente falando isso agora. 
Mudando de assunto…
Estava lendo comentários de algumas pessoas sobre o “Show dos Famosos” dentro do “Domingão do Faustão”, Globo. O que tem de invejoso por aí…
Já disse uma vez e preciso repetir. O que seria de programa de fofoca sem a programação da TV no domingo?
Sempre acho engraçado quando leio que o “Brasil está chocado”. Ou aquela, “revoltou internautas”. HAHAHAHAHA. É cada bobagem!
E você já viu uma propaganda com o Fábio Porchat hoje?
Já em “Bicho do Mato”, reprise da tarde na Record, tem Sérgio Reis e Almir Sater juntos. Os dois são bons demais quando estão no ar em novela.
Crítico que fala mal do “Chaves”, SBT, não é crítico. É chato. O dia que eu falar mal do seriado, pode me internar.
Estranhe quem não gosta de “Chaves”. Ou é ruim da cabeça ou doente do pé.
Já aquele famoso diz que o voto dele é certo e o seu é errado. Que moral tem um famoso para dizer isso? Cada um vota em quem bem entender.
Vou ter que dizer uma coisa triste, mas…
Até denúncia no Brasil vira modinha. E não se trata de gente que tomou coragem porque viu outro denunciando. É por moda mesmo.
E não custa falar, jornalista esportivo não é médico e nem preparador físico.
Uma coisa nada a ver, mas…
Sabe quem eu queria ver fazendo uma novela? Ney Matogrosso. Acho que seria algo super interessante.
Quando o assunto é televisão, eu sempre reparo em tudo. Até na hora do merchandising. Talvez você não conheça, mas uma das melhores nesta arte é Livia Cortinovis (pesquise sobre ela). Faz tudo com um talento incrível. E melhor, foi minha aluna na escola de rádio.
Eu nunca fui grande fã do jornalista Ricardo Boechat, Band. Mas nos últimos dias, o Boechat foi perseguido pelo “mimimi” e aquela turminha do politicamente correto. Então comecei gostar um pouco dele.
Para fechar…
O “SBT Brasil” com Carlos Nascimento e a ótima Rachel Sheherazade está cada dia melhor. Um jornal que deixa qualquer um muito bem informado. Só pena que a Sheherazade não faz mais comentários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here