Câmara de Osasco vota nesta quinta-feira, 20, orçamento para 2019 e nova mesa diretora

A Câmara Municipal de Osasco aprovou na terça-feira,18, em primeira discussão, o projeto de lei que estima a receita da prefeitura para o próximo exercício em cerca de R$ 2,9 bilhões, um crescimento de 16% em relação ao previsto para o ano atual.

Nesta quinta-feira, 20, às 9h, em sessão extraordinária será votado em segunda discussão o orçamento da cidade e além disso vai acontecer a eleição para a nova composição da mesa diretora para o biênio 2019/2020.

Uma eleição que está mexendo com os ânimos da casa, várias reuniões estão sendo realizadas, o cargo à presidência até agora é o mais definido, se nada mudar, e acordos não serem desfeitos, o presidente eleito deve ser Ribamar Silva (PRP). O vereador é hoje líder do governo na casa. Inclusive uma acordo para a presidência da casa foi selado em janeiro de 2017. Na ocasião ficou definido que Lindoso (PSDB) seria o presidente do primeiro biênio da legislatura e Ribamar ficaria com os dois anos finais.

Mas Ribamar, não estará sozinho, como já anunciado, Tinha Di Ferreira (PTB) deve ser o candidato da oposição.

O que vem causando dores de cabeça é a montagem da mesa. Segundo os vereadores foi feito um acordo para que os atuais componentes da mesa, não participassem no próximo biênio. E é isso que deve acontecer. Nos bastidores, a mesa está formada com os seguintes nomes: Toniolo (PCdoB) ou Ni da Pizzaria (Podemos) como vice. Lucia da Saúde (DC), Daniel Mathias (PRP) e De Paula (PSDB) completam a mesa. Mas como  tudo é conversa de bastidores, a composição pode ser alterada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here