Hospital São Camilo lança unidade na Granja Viana

A Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo inaugurará uma nova unidade na Granja Viana, na Grande São Paulo, que será instalada no atual Recanto São Camilo. No próximo ano, o local receberá as atividades de centro médico com consultas e medicina diagnóstica para todas as idades. Já em 2020, se transformará em hospital geral incluindo o atendimento de urgência e emergência.

A expectativa é que a Unidade São Camilo Granja Viana se torne um hospital completo para suprir à necessidade local. Para isto, a Rede São Camilo iniciou um trabalho de estudo detalhado de mercado nesta região, zona oeste da Grande SP, por meio de levantamento de dados e pesquisa de diagnóstico de oferta, demanda e cenário competitivo para definição do novo modelo de atendimento que atenda as demandas locais.

A Unidade São Camilo Granja Viana chega para completar a rede privada que, atualmente, é composta por três Unidades localizadas na capital da cidade nos bairros da Pompeia, Santana e Ipiranga. Os hospitais apresentam uma alta performance com um quadro clínico de mais de 3,7 mil médicos qualificados, contemplando mais de 60 especialidades, mais de 6 mil funcionários e cerca de 800 leitos.

As atividades do Recanto continuam

Com o intuito de manter o compromisso e fortalecer a presença na região, a chegada das atividades de um hospital geral não encerra os serviços do Recanto São Camilo. O local continuará recebendo, 24 horas por dia, pacientes em reabilitação com doenças crônicas ou em cuidados continuados e paliativos. Os serviços contam com uma equipe interdisciplinar composta por médicos e enfermagem 24 horas que contempla as áreas de Terapia Ocupacional, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Nutrição Clínica, Serviço Social, Farmácia, Capelania, Psicologia, Hemoterapia, Radiodiagnóstico e Exames Laboratoriais. Em infraestrutura, apresenta a unidade semi-intensiva, sala para hemodiálise, exames diagnósticos: análises clínicas, raios-x e hemoterapia, cafeteria e capela. O objetivo é atender às necessidades e controlar sintomas do ponto de vista físico, emocional, social e espiritual.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here