Osasco arrecada mais de R$ 50 milhões com ISS


A arrecadação de ISS teve uma alta de 29,52% em julho quando comparada ao mês de janeiro de 2018. os números são validados pela quantidade de empresas abertas no município.


 

Pela primeira vez na história da cidade, a arrecadação proveniente do ISS (Imposto Sobre Serviços) ultrapassou a cifra dos R$ 50 milhões em julho, alta de 29,52% quando comparada a arrecadação de janeiro de 2018, que chegou a R$ 38.824.745,56.
A alta é resultado da retomada da economia e da chegada de novas empresas à cidade, de acordo com o secretário de Finanças, Pedro Sotero. “Não reajustamos o ISS. Essa alta na arrecadação é a soma dos novos investimentos na cidade. Estamos recebendo novas empresas, principalmente de tecnologia e inovação”, disse.
De acordo com Sotero, o índice do ISS refere-se à arrecadação de impostos sobre serviços no mês imediatamente anterior. Ou seja representa a retomada do crescimento e o aquecimento da economia a partir de junho.
Os números são validados pela quantidade de empresas abertas no município durante os primeiros meses de 2018. Foram 1.870 MEI (Micro Empresário Individual) e 1600 empresas dos mais variados segmentos, que geram renda e empregos para os moradores da cidade.
O prefeito de Osasco, Rogério Lins, tem atuado para trazer grandes empresas à cidade, para criar um parque tecnológico e de inovação, gerando emprego e renda ao município.
A localização estratégica – com fácil acesso às marginais e cortada pelas rodovias Castello Branco, Raposo Tavares e Anhanguera – não é o único atrativo do município, que figura entre os 100 melhores para investimentos, destaca-se pelos lançamentos imobiliários e detém posição de destaque no ranking brasileiro e estadual do PIB (Produto Interno Bruto).
Para reforçar ainda mais esses índices, a administração pública tem investido na formação e qualificação da mão de obra, através de cursos gratuitos e em parceria, para preparar o cidadão para o concorrido mercado de trabalho, que exige profissionais cada vez mais qualificados.
O chefe do Executivo comemora o recorde, mas sabe que a cidade pode mais diante da política de incentivo, das facilidades e agilidade para a abertura de novas empresas e dos investimentos que tem realizado para deixar Osasco mais competitiva. “Temos negociado a vinda de grandes empresas. Sabemos que temos potencial para a formação de um grande polo de tecnologia e inovação. Buscamos o melhor para a nossa cidade e a nossa população”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here