Pelo menos diminuiu

Osasco com 697.886 habitantes, e com cerca de 570 mil eleitores sempre foi uma das cidades mais escolhidas por determinados paraquedistas que pousam por aqui para levar votos da população e só aparecem a cada 4 anos. E desta vez, talvez porque a campanha é de apenas 45 dias e antes eram 3 meses, a quantidade de forasteiros políticos ficou bem reduzida. E com isso ganha os candidatos da cidade e da região. Afinal todos que forem às urnas têm que votar em alguém. Não será surpresa se tivermos uma quantidade maior de eleitos, tanto para federal quanto para estadual que pode ser recorde. Isso seria de um enorme agrado à população que tem chances de cobrar alguém que está sempre por perto.

 

Vez dos famosos 

E por ser uma grande cidade com uma enorme população; a maior da região Oeste da Grande São Paulo o famoso Calçadão da Antônio Agu, que só perde para a rua 25 de março em numero de visitantes, é palco de visita de candidatos a governador, presidente, senadores e deputados. Essa semana já esteve na cidade Geraldo Alckmin, que já havia passado pelo Calçadão em outra semana e veio para falar a um publico gigantesco no Clube dos Metalurgicos. Com ele veio João Dória e muitos outros candidatos. Ontem quem passou pelo Calçadão, com direito a comer um cachorro quente, foi o presidenciável Fernando Haddad (PT). Na terça está programada uma caminhada pró Bolsonaro (PSL) e no sábado outra para o mesmo candidato. Que viva a cidade!!!

 

Para o bem do meio ambiente  

Essa semana o prefeito de Osasco Rogério Lins assinou parceria para tratamento do lago localizado no Jardim Três Montanhas, extremo norte da cidade numa parceria entre a Sabesp e o Grupo Pão de Açúcar. O nome dado ao Parque faz referência ao Cartunista do Jornal Folha de São Paulo que junto ao filho foi assassinado em 12 de março de 2010 em sua residência próxima ao lago. Para o prefeito Lins a obra que vai começar daqui a 30 dias. “Inicia em outubro e será entregue em fevereiro bem na semana da comemoração do Aniversário de Emancipação de Osasco”, disse Rogério. O grupo Pão de Açúcar será responsável pela limpeza e reforma Já a Sabesp a importância da obra servirá como um plano piloto que deverá ser desenvolvido por muitas cidades do Estado de São Paulo, despoluição e oxigenação da água. Essas medidas servirão para transformação de lagoas poluídas para deixá-las em condições de uso para nado e criação de peixes.

 

Não precisa provar nada 

O termo ladrão só deve ser usado numa séria acusação, principalmente se o acusador for um homem público e o acusado idem. E a emenda ficou pior que o soneto quando após usar a tribuna da Câmara Municipal, o vereador Tinha Di Ferreira, mais que revoltado por ter sido vítima de pedido de impugnação à sua candidatura a Deputado Federal pelo PTB.
Tinha totalmente fora de seu padrão, provocou o secretário das Finanças Dr. Pedro Sotero de Albuquerque. “Ladrão aqui é você. Não sou eu”, disse o edil, após esclarecer que por unanimidade as acusações para sua impugnação não fora aceita. Indagado sobre não ter receio de ter que provar a acusação feita ao secretário ele disse: “Não tenho nenhum receio, nós parlamentares somos protegidos em Lei quando usamos a tribuna”.
Ou seja, pode ofender quem quer que seja que está protegido pela tribuna. Vivendo e aprendendo ou desaprendendo.

 

Rossi diz ser ficha limpa

O prefeito Francisco Rossi, de novo é alvo de acusações sobre sua candidatura. Para ele são três pedidos de impugnação. “Assim como na eleição de 2010”, disse. O que vem pegando mesmo são as fofocas de plantão afirmando que Rossi não terá a candidatura aprovada e que em sua vaga no dia 17, ultimo prazo para troca, irá entrar a filha Ana Paula, que é vereadora. “Em 2010, ocorreu o mesmo fato e eu estava elegível. Ocorreu um pedido de vistas de um ministro que só foi julgado em 2014; quatro anos depois, me liberando para as eleições de 2010. Agora o TSE mudou. Acabou a moleza. Todos os pedidos devem ser resolvidos antes da eleição, e eu estou tranquilo. Sou candidato e vou vencer”, afirmou Rossi.

 

Emidio recebe carta de Lula 

Ex-prefeito de Osasco com dois mandatos e agora candidato a deputado estadual, Emidio de Souza foi surpreendido com uma carta do ex-presidente Lula lhe desejando a vitória nas eleições de outubro. O fato aconteceu quando uma visita a Lula – preso em Curitiba – Emidio recebeu do ex-presidente uma carta declarando apoio à candidatura para deputado estadual. “O povo vai te eleger mais uma vez”, escreveu Lula. Adiante completou: “Você, que também saiu do chão de fábrica, sabe que a classe trabalhadora não tem o direito de errar quando chega ao poder. Metalúrgico, fundador do PT e da CUT, você esteve sempre do lado certo da história. Tive o prazer e a honra de acompanhar de perto sua trajetória de luta”.

 

“Podemos ir para o DEM”

O vereador e candidato a deputado estadual, Ralfi Silva (Podemos) não está nem um pouco preocupado em revelar que seu apoio vem do candidato a vice de Dória (PSDB) que concorre a governador, Rodrigo Garcia (DEM). Ralfi afirma que tem vários federais que faz dobrada com ele em diversas regiões. Todos do DEM por indicação de Garcia. Quem deve estar preocupada é a presidente nacional do Podemos a deputada Federal Renata Abreu que tenta a reeleição. Ano passado Ralfi havia confidenciado que era o candidato do Senado pela sigla. Mas a escolha foi para o filho de Mario Covas que leva o nome do pai. Talvez por isso resolveu partir para candidatura solo no partido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here