Rogério Lins homenageia bombeiros que salvaram criança de 3 anos


No dia 8 de maio, a pequena Luiza vitória se afogou em um balde na sua casa no jardim Piratininga, zona norte de Osasco, os bombeiros Tonchaca e José Roberto estavam em atendimento de outra ocorrência, mas ao perceberem a gravidade da criança assumiram o socorro e salvaram a menina.


 

Luiza Vitória, 3 anos, brincava com um balde de água em sua casa no dia 8 de maio. Ao tentar pegar um brinquedo, Luiza virou dentro do balde e se afogou. O irmão da criança, Anderson, de 8 anos, viu a cena e chamou a mãe e a tia, que saíram com a pequena nos braços, pedindo socorro.
No caminho para o hospital, a família encontrou os cabos Tonchaca e José Roberto, do Corpo de Bombeiros, que estavam na Avenida Getúlio Vargas, atendendo uma ocorrência de trânsito. Ao verem a criança desacordada, os bombeiros assumiram o atendimento e iniciaram os primeiros socorros.
Os cabos, que atendem as demandas de moto, pediram o auxílio da Polícia Militar para seguir para o Hospital Regional de Osasco e, no caminho, continuaram os procedimentos. A criança entrou na Ala de Emergência, respirando.
O prefeito de Osasco, Rogério Lins, acompanhado da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Aline Lins, homenageou dois cabos do 18º Grupamento de Bombeiros, que salvaram a vida de uma criança no dia 8 de maio, na Avenida Getúlio Vargas, no Jardim Piratininga. A cerimônia de homenagem ocorreu na Sala de Reuniões do Prefeito na quinta-feira, 17.
Os cabos José Ricardo Tonchaca e José Roberto de Souza atendiam uma ocorrência de acidente de trânsito, quando a mãe da pequena Luiza Vitória, entregou-lhes a criança desacordada e com sinais de parada cardiorrespiratória. Ambos iniciaram os primeiros socorros e levaram a criança, com a ajuda de policiais militares, ao Hospital Regional. Na Ala de Emergência, a criança voltou a respirar.
Na cerimônia, Lins disse se sentir gratificado em homenagear os bombeiros. “Para mim receber o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar é motivo de muita alegria. Eu não tenho dúvidas de que o Tonchaca e o José Roberto ficarão para sempre na história dessa família”.
A mãe da pequena Luiza, dona Luzia Márcia, disse que a filha se afogou brincando em um balde de água. “Minha filha teve um afogamento em um balde. Ela estava brincando e, de repente, minha cunhada e eu estávamos com ela nos braços, gritando e pedindo por socorro. O motorista do caminhão de gás levava a gente até o hospital, quando nos deparamos com os bombeiros, que nos ajudaram e salvaram minha filha. Hoje estou muito feliz pela vida da minha pequena Luiza, e sou muito grata em poder prestar esta homenagem a esses dois heróis do Corpo de Bombeiros”, disse Luzia.
“Foi Deus quem colocou a mim e ao meu parceiro no lugar e na hora certa. É uma alegria muito grande e uma emoção poder ter ajudado no resgate da Luiza. Tenho uma netinha de 4 anos e pensei nela naquele momento”, disse o cabo José Roberto Souza. Já Tonchaca ressaltou a importância do treinamento recebido no Corpo de Bombeiros. “O que fizemos nada mais é do que um reflexo da alta capacitação que nos foi concedida ao longo dos anos de treinamento. A ocorrência caiu nas nossas mãos e nós conseguimos obter sucesso, porém se fosse com qualquer um de nossos companheiros de serviço, tenho certeza que teriam sucesso também. Nós tomamos as devidas providências e realizamos todas as manobras para o salvamento da criança. Graças a Deus sai do hospital com a sensação de dever cumprido. Agradeço a Deus por nos dar forças e inteligência para atender casos como esse”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here