Seu filho sobreviverá a você

Ontem, durante a minha participação no programa do Paulo Lopes na rádio Capital, começamos a discutir alguns aspectos da relação mãe e filhos. Durante a conversa, minha companheira de debate, a filósofa Flávia Vírginia, soltou uma frase que não saiu mais da minha cabeça: “seu filho irá sobreviver a você”. Saí da rádio, trabalhei o dia inteiro, voltei para casa e a frase não saía da minha cabeça. No meio da rotina atribulada, super corrida, tentando se dividir em mil para dar conta de tudo, acho que eu realmente estava precisando escutar isso.

A longo prazo, não serão as pequenas frustrações que nos definirão como mãe. Não é o momento que a gente perde a paciência depois de muito insistir, não é o dia que você esqueceu de olhar a agenda da escola, não é quando você deixou o filho entretido com o celular para conseguir uns momentos de paz, não é o choro escondido no banho porque você acha que está fazendo tudo errado. Nada disso te define como mãe e essas pequenas decepções do dia a dia serão superadas por eles.

Mas e por nós? Muitas vezes, tenho a impressão que alimentamos algumas coisas pequenas e começamos a enxergá-las bem maiores do que realmente são. Abra sua mala de culpa e comece a esvaziá-la. Não se deixe impressionar pelas fotos impecáveis de mães e filhos no Instagram. Todas as mães tem tem dias ruins e isso faz parte da maternidade real.

Aliás, acho que é bem mais difícil do que parece. Com certeza, seus filhos sobreviverão as suas neuras, a sua culpa, aos seus medos mas… E você, irá sobreviver?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here