Uma segunda chance para minha televisão

E morreu uma ótima atriz, Eloísa Mafalda. Grandes papéis e ótimos personagens. Os que eu mais lembro são Dona Pombinha (Roque Santeiro), Gioconda Pontes (Pedra Sobre Pedra) e Manuela (Mulheres de Areia).
Ainda sobre “Pedra Sobre Pedra”, a personagem da atriz foi quem matou o famoso Jorge Tadeu (Fábio Júnior).
Já para quem gosta de rádio…
Outra notícia triste foi o falecimento da locutora Gleides Xavier (atualmente na 105 FM). Nova, mas experiente apresentadora. Vai fazer muita falta. Foi mais uma que fez eu amar tanto o rádio.
Mudando de assunto…
Estava reparando em algo. Televisão brasileira tem vários e vários “reality” sobre culinária. Depois que os programas chegam ao fim, os participantes surgem em atrações vespertinas. “Reality” de culinária virou quase um laboratório para outras atrações.
Sem falar que programas vespertinos não podem ficar apenas baseados em fofocas. Precisa de produção.
Sem produção, nada feito.
Não se citei, mas estou gostando bastante da série “Carcereiros”, Globo. Não tem muito a ver com o livro, mas é legal. Normalmente, filme sim tem semelhança com obras literárias.
Outra coisa que eu não tinha falado, mas vou falar…
A Rede Globo escala quem bem entender em suas novelas. O mimimi vive reclamando de não escalar este ou aquele. Emissora e autor decidem o que querem fazer. Sem frescura.
Infelizmente, hoje qualquer um é considerado artista.
Aquela coisa de sempre nada a ver, mas…
Odeio bonzinhos e falsos solidários de internet. São chatos demais. E fingidos.
Confesso que ainda não entendi participação de Mônica Salgado no “Vídeo Show”, Globo. É uma repórter que não é repórter. Tudo bem estranho.
E outra coisa…
Ainda não me conformo com o Miguel Falabella participando somente no final do “Vídeo Show”. É muito pouco para este gigante da arte no Brasil.
Já os sites de notícia perderam noção do que é realmente urgente. Agora tudo é urgente. Toda notícia, da mais boba até uma um pouco mais séria ganha este rótulo.
Ainda sobre “Segundo Sol”, Globo…
Essa novela mostra que todo mundo merece uma segunda chance. Engraçado que alguns atores da Globo não dão segunda chance para o ótimo José Mayer. Ator que está demorando muito para mostrar seu talento novamente na televisão.
E já estão sendo gravados novos episódios da “Escolinha do Professor Raimundo”, Globo. Eu, claro, ansioso. Mas parece que vai ao ar apenas no fim do ano.
Para fechar…
Gosto de alguns atores infantis. O meu preferido atualmente é o JP Rufino. Hoje em dia está no ar em “Orgulho e Paixão”, Globo, com o personagem Estilingue.
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here