Uma Televisão Como Antigamente 

E “Bicho do Mato”, Record, está terminando. O último capítulo original foi picotado e dividido em algumas partes. Confesso que continuo achando estranho quando mocinho vira vilão meio do nada. Nesta novela, a personagem Lili, Ana Beatriz Nogueira, se transformou nas últimas cenas.

Falando em reprises…

Estranho ver Carolina Ferraz em “Celebridade”, Vale a Pena Ver de Novo, Globo. Atriz que está processando a emissora, mas está no ar em um repeteco.

E falando em repeteco…

Começou mais uma reprise de “Carrossel” no SBT. Acho que é a de número cem. E vai ter audiência. Tenho certeza. Eu gostava dos clipes musicais da trama. Agora, o SBT tem que reprisar um dia o “Carrossel” original. Versão mexicana. Era uma novela muito triste. Emocionante.

Falando de “O Tempo Não Para”, Globo…

Outro dia li algo e concordei. Nicolas Prattes ainda tem cara de criança e não combina com o papel que está fazendo na novela. o Samuca. Tinha que ser um ator mais maduro.

Hum… Eu não gostei da abertura. Brilha muito. Dói até os olhos. Bem diferente de “As Aventuras de Poliana” no SBT. Não canso de assistir sua abertura. É ótima.

E ainda sobre “O Tempo Não Para”…
Continuo com aquela preocupação, novela é longa, não sei suporta esta ideia de gente vindo do passado.

Quem eu não estou gostando (minha mãe também não) é Cléo Pires. Parece que no início de carreira ela era bem melhor.
Mudando de assunto…

Pior do que o politicamente correto é quem não é do “time”, mas faz pose para alegrar aquela “turma do bem”.

Aproveitando…

Alguns “diferenciados” estão pegando no pé do gênio Silvio Santos. Só rindo mesmo. O Patrão tem o povo do seu lado. E quem tem o povo está com Deus. Que seja eterno.

Para quem possa interessar…

Montei um blog com poesias e letras de música. Nada muito sério, mas…

E vão começar os debates políticos na televisão. Ou seja, muitos chatos vão discutir e brigar pela internet.

Aproveitando…

Não tem nada a ver com televisão, mas preciso dizer. Você vota em quem bem entender, qualquer candidato. Não dê ouvidos para ninguém.

Muita gente não gosta, mas eu adoro o show do “Criança Esperança” da Globo. Pena que a emissora não utiliza tanto o Didi. O eterno “Trapalhão” merece espaço sempre. Eternamente.

Para fechar…

Parece que a audiência não é das melhores, mas minha mãe gosta muito de assistir o tradicional “Roda Roda” do SBT. Ou como era conhecido antigamente, o “Roletrando”.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here