Vôlei Osasco perde mais uma na Superliga Feminina

O time perdeu para o Minas Clube por 3 sets a 0

A fase não está nada boa para o time osasquense na competição, a equipe vem acumulando algumas derrotas como a da última terça para o Minas, nesta sexta, 21, Osasco busca a reabilitação


 

O Vôlei Osasco-Audax foi superado pelo invicto Minas Tênis Clube por 3 sets a 0, parciais de 25/15, 31/29 e 29/27, em 1h31min, na noite desta terça-feira (18), no ginásio José Liberatti. Apesar do revés, a equipe da casa lutou até o final e vendeu caro o resultado, como apontam as parciais dos dois últimos sets. Agora, Walewska, Camila Brait, Angela Leyva, Mari Paraíba e cia. partem em busca da reabilitação diante do Dentil/Praia Clube. O jogo será nesta sexta-feira (21), a partir das 19h. Lorenne analisou a partida. “Pecamos nos detalhes em alguns momentos, cometendo erros táticos, mas o time do Minas é muito forte, vem em um ritmo bom desde o Campeonato Mundial, joga rápido, e tem méritos pelo resultado. Agora é trabalhar ainda mais para diminuir o número de erros e voltar na sexta-feira e tentar apresentar um jogo melhor. O Praia é outro time forte, mas seguimos em frente, unidas, em busca das vitórias”, afirmou a oposta, que entrou no decorrer da partida e marcou seis pontos. O passe foi o diferencial do primeiro set. Com dificuldades na recepção, as atletas do Vôlei Osasco não conseguiram entrar no jogo. O técnico Luizomar pediu tempo quando o adversário fez 6/3 e 13/7. Mas, apesar das orientações, as donas da casa não chegaram a ameaçar a liderança das mineiras no placar, que fecharam com dez pontos de vantagem: 25/15. O Vôlei Osasco-Audax voltou com tudo para o segundo set. Abriu 7/3 com um ace de Angela Leyva. A ponteira peruana foi o grande nome na parcial, com pontos decisivos depois que as mineiras tomaram a dianteira do placar e chegaram ao 20/16. Com Carol Albuquerque em quadra, as donas da casa não deixaram as adversárias deslanchar e foram buscar a igualdade no 21/21. Com o jogo equilibrado, as osasquenses tiveram a chance de vencer com dois set points, mas, no final, o Minas aproveitou melhor as oportunidades e fechou em 31/29. O terceiro set foi equilibrado do início ao final.. Com um ace de Lorenne e um bloqueio de Natasha, o Vôlei Osasco encostou e empatou no 14/14. Mari Paraíba fez a diferença no final da parcial. Fez 20/18 com um bloqueio e, na sequência, com dois bons saques, levou sua equipe ao 22/19. Aproveitando os erros do Minas, as comandadas de Luizomar chegaram ao 24/20. Porém, as mineiras reagiram e conseguiram a virada para fechar em 29/27.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here