Ícone do site Correio Paulista

O colágeno pode fazer maravilhas por sua pele

O colágeno é uma proteína tão importante para o nosso organismo, que nós, dermatologistas, sempre retomamos o assunto para você não esquecer de colocá-la na sua lista diária de suplementos. Responsável por formar os tecidos conjuntivos do corpo humano, que são essenciais para a pele, articulações e ossos, o colágeno ajuda a promover a elasticidade e resistência da pele e evita o atrito entre os ossos, o que causa desgaste, dor e dificulta a locomoção.

Diretamente ligado ao envelhecimento, a redução das fibras de colágeno e do ácido hialurônico são os responsáveis pela perda de espessura e da resistência da pele, causando o envelhecimento cutâneo, rugas grossas, ressecamento, perda de elasticidade e pigmentação da cútis. O declínio das funções biológicas começa por volta dos 30 anos, conforme o corpo envelhece a produção do colágeno e elastina vão diminuindo e começa o processo de envelhecimento. Por isso, a suplementação de colágeno é fundamental para melhorar a aparência da pele, estimular o metabolismo celular dérmico, melhorar a biossíntese de proteínas da matriz extracelular e, consequentemente, restaurar a estrutura dérmica.

Mas você não deve sair comprando qualquer colágeno, a suplementação bem como o uso de medicamento deve ser acompanhada por um médico, que irá pedir exames clínicos que vão definir a quantidade exata de colágeno que seu organismo precisa. Lembre-se que qualquer suplemento em excesso pode fazer mal ao organismo.

Outro ponto importante para garantir uma pele firme e bonita é manter hábitos saudáveis como, por exemplo, praticar exercícios e ter uma alimentação balanceada rica em vitamina C, E e zinco, que ajudam a prevenir a degradação do colágeno. Portanto, inclua na sua dieta os seguintes alimentos:

Castanhas: A castanha de caju, apesar de ser calórica, é importante fonte de zinco e cobre, nutrientes necessários para a produção do colágeno. Já as castanhas do Pará e nozes são fonte de silício, outro nutriente usado na síntese do colágeno.

Alimentos ricos em enxofre: Aipo, azeitona verde, alho, pepino, banana e cebola também estimulam a produção de colágeno.

Semente de linhaça: Rica em ômega 3, ajuda na elasticidade da pele, além de ser uma excelente fonte de tiamina, manganês e magnésio.

Carne bovina: Tem alto teor de colágeno principalmente os miúdos e caldo de ossos, além do mocotó e do músculo bovino, que são excelentes fontes de colágeno.

Frango: Rico em aminoácidos e baixa gorduras

Clara de ovo:  Rica em prolina, muito importante para a produção do colágeno

Gelatina: Tem cerca de 90% de proteína do colágeno. Prefira as gelatinas diet, que têm poucas calorias.

Alimentos vermelhos:  As frutas e legumes como maçã, morango, cereja, tomate, beterraba e pimentão contêm licopeno e vitamina C, que além de serem antioxidantes, ajudam na produção de colágeno.

Frutas cítricas e ricas em vitamina C: limão, laranja, acerola, manga, kiwi, abacaxi, goiaba etc. são frutas que possuem grande quantidade de colágeno, além de serem fontes de silício, outro nutriente importante para o colágeno. A vitamina C potencializa a absorção do colágeno em 8 vezes, conferindo assim resultados melhores na redução da flacidez.

Sair da versão mobile