Carrefour Osasco instala máquina de luz ultravioleta para higienizar compras

Capa Cidades

Fonte: Revista Época

Durante a pandemia de coronavírus, mercados e outros serviços essenciais precisaram redobrar as medidas de segurança e higiene para proteger funcionários e clientes. Além do já tradicional álcool em gel, máscaras e o distanciamento entre pessoas, algumas empresas também estão investindo em tecnologia para combater o vírus. No Brasil, um mercado de São Paulo instalou uma máquina de luz ultravioleta para higienizar produtos antes de sair do supermercado.

Na prática, para o cliente o funcionamento é bem simples. Após empacotadas no caixa, as compras colocadas no carrinho entram dentro da máquina, um por vez. Uma porta se fecha para proteger as pessoas e a radiação emitida pela luz UV elimina vírus, bactérias e outros micro-organismos nas superfícies, pois é capaz de penetrar nas células desses patógenos. O Carrefour foi pioneiro na implementação desse serviço em um projeto piloto na unidade de Osasco.

Surgiu uma preocupação geral e certa dificuldade sobre a higienização de produtos ao chegar em casa, seja como limpar diferentes materiais ou por não ter um lugar adequado. Por isso testamos a máquina ultravioleta e depois iniciamos uma análise técnica para entender a eficiência disso sobre vírus e bactérias. Entendemos que até agora houve um resultado muito positivo sobre as áreas que a luz alcança”, explicou Jérôme Mairet, diretor de riscos do Carrefour Brasil.

Apesar de ainda não existir nenhuma pesquisa específica sobre a eficiência da luz ultravioleta na eliminação do novos coronavírus, estudos anteriores alcançaram sucesso com outras formas do Sars. A tecnologia também já foi utilizada com eficácia na inativação do vírus influenza (H1N1) e de outras bactérias resistentes.

A empresa responsável pelo equipamento apelidado de XGerminator afirmou que o experimento foi um sucesso, removendo até 99% dos microorganismos em menos de 30 segundos, garantindo mais uma camada de segurança para os clientes.

“Sabendo que a luz emitida pelo equipamento não vai alcançar todos os produtos dentro de sacolas, também preparamos estações de higienização manual, próxima aos estacionamentos. Lá o cliente vai poder utilizar um pulverizador com produto próprio, garantindo assim que todas as compras já chegarão higienizadas na casa dos nossos clientes”, disse Mairet.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *