Estação da CPTM de Osasco terá borrachão de segurança na plataforma

A CPTM assinou contrato para implantar borrachões de proteção em mais 20 plataformas de oito estações com alta demanda de usuários, para aumentar a segurança no embarque e desembarque. O dispositivo diminui a distância entre o trem e a plataforma.

Receberão os borrachões as estações Santo André, Tatuapé, São Miguel Paulista, Osasco, Santo Amaro e Palmeiras-Barra Funda a partir de janeiro do ano que vem. O dispositivo também será implantado em mais três plataformas da Estação Brás e mais uma plataforma na Estação da Luz. O investimento é de cerca de R$ 7,2 milhões.

A plataforma 4 da Estação da Luz possui borrachão desde o final do ano passado e o número de quedas no local reduziu de 164 em 2017 para 1 neste ano. Já a plataforma 4 da Estação Brás tem o dispositivo desde janeiro, sendo que o nmero de quedas em 2017 passou de 77 para 5 em 2018.

O borrachão foi projetado exclusivamente para a CPTM de modo a permitir também a passagem dos trens de carga. O espaço entre o trem e a plataforma nas estações da CPTM é consequência da inexistência de uma via para o transporte ferroviário de cargas, que hoje passa pela cidade de São Paulo, nas mesmas vias por onde transitam os trens de passageiros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here