Abuso sexual na Record

Hoje inicio a minha coluna comentando mais um caso de abuso sexual na Tv Brasileira. O repórter Gérson de Souza da Record foi denunciado a Polícia pelo menos por duas colegas de trabalho que criaram coragem e foram a luta.
Na semana passada,o jornalista, um dos mais experientes da Record, foi acusado de assédio por 12 mulheres da emissora. A Polícia Civil, no entanto, só registrou três boletins de ocorrência até porque muitas das assediadas não quiseram se expor.
Segundo uma vítima ele chegava perto de você, pegava no braço e ficava alisando e a gente ficava sem saber o que fazer até porque ele afirmava que era como tivesse apertando a minha bunda. Uma atitude constrangedora que acontecia sempre.
Inclusive uma jornalista, que pediu para não ser identificada pela coluna que trabalhou com Gérson de Souza por cinco anos no “Domingo Espetacular”, a brincadeira era “recorrente” e não adiantava reclamar pois ele não tinha o mínimo de respeito.
O jornalista nega as acusações. Porém elas afirmam categoricamente que ele era pegajoso, ficava acariciando e dando beijo de surpresa e com isso as vítimas se sentiam intimidadas por isso demoraram a denunciar Gérson de Souza.
O depoimento das jornalistas da Record á Polícia Civil e ao Departamento de Recursos Humanos da emissora indicam que Gérson de Souza abordava mulheres de 20 poucos anos e também as com 40, morenas, loiras, quase todas jornalistas chefes ou subordinadas.
Para se ter uma ideia entre as vítimas, havia até mulher grávida. A maioria dos casos foi assédio verbal. O repórter Gérson de Souza, falava ou indicava com gesto o quanto elas eram “gostosas”. Uma das vítimas disse à Polícia ser chamada de “putinha”.
Contatos físicos também teriam acontecido quando abraçava as mulheres, repórter pressionava contra os seios. Por outro lado a Record agiu certo orientou as vítimas que fizessem boletim de ocorrência e comunicassem o Departamento Jurídico da emissora.
A emissora afastou Gérson de Souza e lhe dará férias no mês de junho e depois da conclusão do inquérito da Polícia Civil vai decidir se tomará uma posição radical e mandá-lo embora ou revogará seu afastamento. A justiça deve ser feita.

Frase Final: A riqueza é a menor das necessidades, a maior é a sabedoria (Gtthold Ephraim)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here