Professor de Barueri é destaque em evento do Google

Na quarta-feira (dia 14), o Google promoveu mais uma edição do evento “Inovar para o Brasil”, oportunidade em que escolas de todo o país partilham experiências sobre os avanços do uso da tecnologia na educação.

Por ser a primeira cidade brasileira a adotar a plataforma Google For Education em toda a sua rede de ensino, Barueri foi convidada para expor suas experiências positivas a centenas de lideranças de escolas públicas, particulares e universidades.

Representando a Emef Padre Elídio Mantovani, do Parque dos Camargos, o professor de informática Ignácio Javier foi o convidado especial para falar sobre o uso das ferramentas tecnológicas para a montagem do jornal da escola, o “Elídio News”, que é feito pelos alunos de maneira colaborativa, mas conta também com a participação de todos os professores.

“Jamais pensei em ter a honra de palestrar em um evento tão importante. Graças a oportunidade de trabalhar com as novas ferramentas tecnológicas implantadas pela Secretaria de Educação de Barueri, pude levar nossas experiências para um público tão especial. Expliquei para a plateia que tivemos a ideia da construção de um jornal colaborativo na escola. Mostrei as etapas iniciais do projeto, divisões de tarefas, procedimentos iniciais e a fase de execução”, contou.

A tecnologia do Google for Education possibilita aos educadores manter o aprendizado personalizado garantindo melhor desempenho de suas turmas. Já os alunos se beneficiam com a facilidade da plataforma e ganham mais tempo para aprendizagem.

Durante o evento, o Google também divulgou pesquisa inédita sobre a aceitação dos professores de todo o Brasil, com relação às novas ferramentas tecnológicas. De acordo com o levantamento, inédito no Brasil, 82% dos professores estão preocupados com a equidade de acesso quando se trata de tecnologia nas escolas. Já 91% dos pais acreditam que a tecnologia na sala de aula torna o aprendizado mais envolvente. O Google e o instituto de pesquisa YouGov entrevistaram, por meio de formulário on-line, 300 educadores e 500 pais de alunos.

Para os professores, 95% acreditam que trazer a tecnologia para a sala de aula prepara os estudantes para o futuro. Já 82% estão preocupados com a equidade de acesso quando se trata de tecnologia nas escolas. Além disso, 77% apontam que o maior desafio é envolver os alunos e 95% concordam que é preciso trazer a tecnologia para a sala de aula.

Investimentos tecnológicos
Em Barueri, são cerca de 50 mil alunos beneficiados com os equipamentos, além dos 2.300 professores que receberam os chromebooks especiais. Além dos chromebooks para escolas de toda a rede de ensino, a Secretaria de Educação também comprou 361 carrinhos para transportar os novos computadores e 110 terminais para videoconferência e lousas digitais, entre outros equipamentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here