Vôlei Osasco Audax ganha reforço na reta final da Superliga

Depois da heroica classificação nas quartas de final, o Vôlei Osasco-Audax se prepara para sua 18ª semifinal consecutiva da Superliga Cimed. Na manhã desta sexta-feira (29), recebeu um reforço. E que reforço! O bicampeão olímpico Serginho esteve no José Liberatti para visitar o amigo Luizomar e mostrar seu apoio ao time. Contudo, fez mais. Chegou de uniforme e participou do treinamento com as atletas. Com o líbero em quadra, o ginásio osasquense reuniu sob o mesmo teto dez medalhas olímpicas.

“Estou aqui porque eu tenho uma amizade, uma gratidão, um amor gigantesco pelo Luizomar. É um cara que ajudou muito na minha formação como pessoa e como atleta. Sei o quanto ele contribuiu para que eu me tornasse uma referência dentro do nosso esporte”, disse Serginho, após o treino. O treinador de Osasco explicou que o convite veio após uma conversa via telefone, quando o jogador e amigo o cumprimentava pela classificação. “Jogamos juntos quando eu estava no final da carreira como jogador e ele no início. O Serginho é uma pessoa incrível, um lutador, um exemplo, o melhor líbero da história do vôlei. Para usar uma palavra que está no moda, ele resume o significado de resiliência”, disse Luizomar.

Luizomar e Serginho jogaram juntos em Guarulhos e conquistaram o título paulista em 1995. O treinador fez questão de ressaltar a importância da presença de Serginho. “Ele traz uma energia muito positiva. Não só pelo craque que é, mas como ser humano. Eu o convidei para uma visita e ele apareceu pronto para treinar, dizendo que fazia questão de entrar em quadra com as meninas. Foi um momento muito bom e, com certeza, um incentivo a mais na preparação para a série dura que nos espera contra o Itambé Minas”, afirmou o Luizomar. O primeiro jogo do playoff semifinal da Superliga entre Osasco e Minas será na próxima segunda-feira (1/4), em Belo Horizonte.

Serginho também adorou a experiência. “Estou saindo daqui muito renovado. Pelo astral, pelo clima e pelo trabalho sério feito em Osasco, que tem a liderança e a competência de uma comissão técnica extraordinária comandada pelo Luizomar, com atletas que buscam títulos. Acredito que Osasco ganhou um peso muito forte na semifinal. Isso pela forma como jogou as quartas e pela postura em quadra, superando grandes adversidades. Foi muito bom pra mim e acredito que para elas também. Isso deveria ser feito mais vezes”, garantiu o líbero.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here