Audax vai para 3ª decisão fora, valendo o título da A3

llDepois de uma primeira fase instável, eis o Audax surpreendendo nas quartas de final e nas semifinais até chegar à disputa do título da Série A3 do Campeonato Paulista. O primeiro jogo do título rolou anteontem no Rochdalão e o time de Osasco cedeu empate após fazer 2 a 0 no Monte Azul. Sim, o visitante tomou aquela surra na etapa inicial, mas foi outro time na complementar e buscou o resultado, 2 a 2.
O placar deixa tudo aberto para a partida de volta – quem levar o placar regulamentar levanta o caneco, em caso de empate , o título fica com Monte Azul. No entanto, apesar de decidir em casa, o Monte Azul está com as chuteiras de molho porque sabe que o Audax não treme sob pressão – classificou-se na rabeira do G8 e nas quartas de final teve pela frente o então invicto Velo Clube; no jogo de ida em Osasco deu 0 a 0 e com o Velo na vantagem do empate na volta. Acontece que o Audax foi surpreendente em Rio Claro e meteu 2 a 0 no líder invicto.
A semifinal foi contra um touro bravo no Rochdalão e com 1 a 0 para o Barretos – que botava uma das chuteiras na final. Então o Audax parte para a segunda missão impossível, jogaço em Barretos e com a moçada de Osasco toureando o adversário com 2 a 0, placar que arrebentou a banca porque o favoritismo era amplo para o dono da casa. Essa vitória sela a campanha do Audax que retorna à Série A2 após dois rebaixamentos seguidos e do vice-campeonato paulista em 2016.
De volta às quartas e semis do Audax, duas decisões fora de casa e eliminando favoritos. Agora vem a terceira missão impossível e o time conta com esse histórico para calar Monte Azul Paulista como fez em Rio Claro e em Barretos. É jogo valendo título nesse domingão, Monte Azul x Audax às 10h no estádio Otacília Arroyo.
Sobre anteontem no Rochdalão, o time da casa deitou e rolou no 1º tempo, tanto que não demorou para abrir o marcador – bela triangulação na área adversária e com Giovanni arriscando e fazendo 1 a 0 aos 11 minutos. O Monte Azul dormia e não reagia sob outra blitz osasquense que terminou na cabeça de Giovanni, 2 a 0 para o Audax aos 26 minutos.
Na etapa final o torcedor esperava pelo massacre da chuteira elétrica do Audax, só que o Monte Azul mudou a chave do jogo ao entrar em alta voltagem e partir em busca do resultado – e chegou com um gol de Lucas Cezane, aos 15 e de Túlio aos 25 minutos. O jogo terminou empatado em 2 a 2.

 

 

CAMPANHA DO AUDAX

1ª FASE
8º lugar, 22 pontos, 5 vitórias, 7 empates, 3 derrotas, 26 gols para 22 sofridos

QUARTAS DE FINAL
– Jogo de ida em Osasco, 7/4
Audax 0 x 0 Velo Clube
-Jogo de volta em Rio Claro, 13/4
Velo Clube 0 x 2 Audax

SEMIFINAIS
– Jogo de ida em Osasco, 21/4
Audax 0 x 1 Barretos
– Jogo de volta em Barretos, 27/4
Barretos 0 x 2 Audax

FINAL
– Jogo de ida em Osasco, quarta,1
Audax 2 x 2 Monte Azul
– Jogo de volta em Monte Azul Paulista, Domingo, 5
10h Monte Azul x Audax

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here