Autoconhecimento é moda?

Colunistas Erica Rodrigues

Vamos começar definindo moda.

Conforme o dicionário do Google, moda é: conjunto de opiniões, gostos, modo de agir, viver e sentir, sempre em coletivo.

Pensando em tudo isso a resposta é NÃO, autoconhecimento não é moda.

Tenho quase certeza que em algum momento, seja conhecendo alguém, fazendo uma entrevista de emprego ou até mesmo em terapia, você já foi questionado(a) da seguinte forma: quem é você? Como você se define? Do que você gosta? Ou algo como: me descreva sobre você. Pode ser que nesse momento você tenha travado e percebeu que não sabia por onde começar ou o que falar, se você passou por isso e não se sentiu confortável, talvez você não se conheça como imagina.

O autoconhecimento nada mais é que o conhecimento de si mesmo(a), das próprias características, emoções, sentimentos, comportamentos entre outras questões.

O que mudou na verdade é que com a evolução do ser humano, as pessoas começaram a perceber a importância de se observar e saber mais sobre si.

Os benefícios do autoconhecimento são diversos, veja abaixo alguns exemplos:

  • Relacionamentos mais saudáveis;
  • Saúde física;
  • Saúde emocional;
  • Saúde financeira;
  • Melhores resultados no trabalho;
  • Adaptação de comportamento quando necessário.

Dito isso, então você me questiona: Ok Erica e como começo a me conhecer melhor?

Existem algumas possibilidades, a principal é a terapia com psicólogo(a), pois ele(a) respeitará sua individualidade e te ajudará a se conectar com você mesmo(a) analisando todo seu contexto de vida, adicionalmente, existem ferramentas terapêuticas, cursos e workshops.

A única indicação que deixo é, pesquise muito o(a) profissional com quem irá agendar sua consulta, assim como a escola para fazer um curso, a empresa que dará workshop e livros que irá ler, aproveite e peça indicação.

E aí preparados(as) para começar a busca do autoconhecimento? Vamos?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *