Morre aos 94 anos Braguinha, empresário e financiador do esporte brasileiro

Geral
Conhecido por ser um dos principais incentivadores do esporte nacional, o ex-banqueiro Antônio Carlos de Almeida Braga, o Braguinha, morreu nesta terça-feira (12) aos 94 anos.

Braguinha foi dono de uma das maiores seguradores do País, a Atlântica Seguros, posteriormente anexada com a Bradesco Seguros.

Com a saúde frágil, o empresário estava em Sintra, em Portugal desde o início da crise sanitária provocada pelo novo coronavírus.

No esporte, Braguinha patrocinou grandes nomes do cenário brasileiro como: Emerson Fittipaldi, Gustavo Kuerten e Ayrton Senna. O ex-banqueiro também foi figura importante no vôlei. Já no futebol foi um dos incentivadores para trazer Rivellino do Corinthians para o Fluminense. Nas redes sociais, o tricolor carioca lamentou a morte do empresário.

Braga deixa seis filhos, Maria do Carmo, Luis Antônio, Sylvia e Lúcia, frutos do primeiro casamento com Sylvia Maria da Glória de Mello Franco Nabuco, conhecida como Vivi Nabuco, e Maria e Joana, do segundo casamento com Luíza Eugênia Konder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *