O bom mundo maluco da Televisão

Estou pensando seriamente em cobrar pelas dicas que dou aqui neste humilde texto. Leio que a Globo decidiu voltar atrás. Novela vai terminar toda sexta (com reprise no sábado) e começar toda segunda. Como nunca deveria ter deixado de ser. Falei muito isso. Enfim me ouviram. Agradeço.
Não entendo essa mania de estragar o que está bom.
Mudando de assunto…
Você viu o caso Neymar? Vi e não me meto em vida pessoal de ninguém. Quem sou eu para falar um “A” contra uma outra pessoa. Jamais. Segue o jogo.
E o tão falado “Isso a Globo Não Mostra”, do Fantástico, Globo, já cansou. Foi bom enquanto era novidade. Agora já está arrastado.
Enquanto isso na vida real…
Pessoas estão brigando por causa de patinete. Está parecendo episódio do “Chaves” ou é impressão minha?
Falando dos comentaristas da grande mídia…
Odeio quando um sujeito tem uma opinião no ar e outra fora do ar. Isso é falta de personalidade.
Uma dica.
Costumo achar bons programas antigos, que eu nem sabia que existia, no YouTube. Faça isso você também. Pesquisem.
Falando nisso…
Não sei quem é e nem que canal do YouYube  eu vi, mas assisti um rapaz indo visitar no México os túmulos da Bruxa do 71, do seu Madruga e do Chaves (dos seus respectivos atores). Emocionante.
E tem algo mais emocionante do que o Chaves?
Uma questão que faço desde minha época de faculdade de jornalismo. O que é notícia? Tudo que está no ar, merecia estar no ar? Cabe o debate.
E uma constatação.
Alguns famosos estão com mais destaque depois que saíram da Globo. Um grande exemplo é o jornalista Fernando Rocha. Por sinal, Fernando foi também jornalista esportivo. Encontrei e trabalhei ao lado dele em muitas oportunidades.
Só para citar, estou gostando muito de “Topíssima”, nova trama da Record. E melhor, não bíblica.
E ultimamente no jornalismo…
Temos aquelas notícias de mortes e que do nada o morto não morreu. Jesus! E, menos, mas acontece também outro caso estranho. Pessoas que morreram e que do nada morreram novamente (até anos depois). Mundo maluco.
Aproveitando de novo…
Temos vários famosos doentes. Este ano não está fácil. Que todos melhorem.
E aos que estão partindo… Fiquem em paz. Se é que existe paz no céu.
Para fechar…
No Brasil tudo vira piada. Das mais fracas até aquelas mais cruéis. E o que eu acho disso? Adoro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here