Ribamar Silva se consolida como uma grande liderança da região Oeste

Destaque Política

65.219 votos essa foi a votação de Ribamar Silva para deputado federal em outubro, números que consolidam o político como uma liderança na região oeste. O candidato do PSD foi elogiado pelo presidente nacional da legenda pela sua expressiva votação. “Ribamar foi um gigante nessas eleições e ainda tem grandes chances de assumir uma cadeira no Congresso Nacional e assim confiamos que irá acontecer”, afirmou Gilberto Kassab.

Riba, como é conhecido pelos amigos, nasceu em Osasco, mais precisamente no Hospital das Damas, atual Nossa Senhora de Fátima no centro da cidade, cresceu no bairro do Cipava, zona sul da cidade, Ribamar sempre foi dos bastidores, ajudou diversos candidatos a se elegerem, mas essa história começou a mudar quando ele ganhou a primeira eleição que disputou em sua vida. Em 2016, ele foi eleito vereador de Osasco, em 2020 foi reeleito como o mais votado da cidade com 5.998 votos entre os mais de 800 candidatos. Foi presidente da Câmara em duas oportunidades. Nesta eleição veio, talvez, o seu maior desafio político, tentar uma vaga na Câmara dos Deputados, Ribamar teve uma votação expressiva com 65.219 votos, atualmente, ele está na segunda suplência, mas uma questão jurídica envolvendo o primeiro suplente deve impedir a candidatura e ela deve ser indeferida, consequentemente Ribamar seria o primeiro suplente do PSD e com todas as movimentações políticas que acontecem e acontecerão em Brasília nos próximos dias e meses, o osasquense da gema poderá assumir uma cadeira logo em 2023 ou nos próximos anos. “Quando você vai para uma disputa eleitoral, você coloca seu nome para apreciação da população, eu saio dessa eleição muito feliz, fui o deputado federal mais votado da cidade, eu fui o quinto mais votado do partido, se você pegar a lista de votação, você verá que tive mais votos que candidatos com mandatos, deputados que fizeram história na política brasileira, foi uma experiência extremamente positiva, temos grandes chances de assumir o mandato, eu estou tranquilo e sei da minha missão.”

O resultado da eleição alça Ribamar a ser um novo líder na região oeste. “Atualmente não temos uma representatividade no Congresso Nacional, não tem um político que more em Osasco e represente a cidade, não tem por enquanto, eu acredito que logo estaremos lá. Se for da vontade de Deus, eu logo estarei em Brasília, e se não for, eu continuarei meu trabalho aqui, eu fui eleito para ser vereador de Osasco, quero ajudar o prefeito e a cidade, quero servir pelo avanço da minha cidade. Eu tenho que agradecer todos que acreditaram em mim, a minha equipe, tenho que agradecer aqueles que não me abandonaram, tenho muito orgulho da minha votação, um vereador de Osasco, que morou no CDHU do Recanto das Rosas, que não era conhecido e hoje é respeitado por todos e conhecido por muitos.”
O governador eleito Tarcísio de Freitas tem como vice Felicio Ramuth que é do PSD, o presidente nacional do partido Gilberto Kassab também está bem presente no governo de transição e deve ter uma representatividade muito grande no governo de Tarcísio, Ribamar destaca o tamanho do seu partido. “O PSD saiu muito grande dessa eleição, não só no estado como no Brasil, o Kassab é o maior articulador político do pais. Eu venho falando muito com ele e com o Tarcísio. Eu falo com o governador eleito dia sim, dia não, ele é muito acessível, ele fará história no governo e tenho certeza que ele terá uma projeção nacional. Ele é gestor e político, isso faz a diferença.”
Ribamar como presidente da Câmara ressalta que em seu mandato que chega ao fim no mês de dezembro muitos projetos foram votados para melhorar a qualidade de vida do morador de Osasco. “Nesses dois últimos anos pautamos projetos para o crescimento da nossa cidade, tudo que acontece na cidade, passa pela Câmara, hoje a avaliação do governo é boa porque a Câmara Municipal permitiu que o prefeito executasse, o Rogério sonha os projetos, elabora e nós damos o veredito, nós sempre aprovamos, pois é sempre para o crescimento da cidade, hoje Osasco é notícia no Estado e no Brasil, tudo isso passou pela Câmara. Tenho prazer de estar nesta legislatura e estar como presidente é um privilégio, é um prazer para mim.”
Ribamar volta aos bastidores para articulação nos próximos dias do novo presidente da Câmara de Osasco para o mandato de 2023 e 2024. “Eu quero ajudar, quero entregar a Câmara muito organizada, pegamos a Câmara num momento muito conturbado e de várias especulações, o ex-presidente que passou pegou a Câmara com várias dificuldades e não conseguiu tocar a Câmara com pacificação, eu tive essa missão, na minha gestão o Promotor não visitou a casa de leis osasquense, conseguimos humanizar o legislativo, quero entregar uma Câmara respeitada pela cidade e pelo meio político. Nós vivemos em harmonia com executivo.”
Ribamar sai maior do que entrou em 2022? “Não tenho dúvida, entrei com um legado político e saio com outro, fiquei muito orgulhoso, poucos vereadores da cidade de Osasco foram para um pleito de deputado e saíram com mais de 60 mil votos, nós saímos maiores, mas saio com bastante humildade, tivemos essa confiança do público devido a nossa seriedade do trabalho que estamos fazendo na cidade. Meu agradecimento a Deus e a população. O meu pedido a Deus é que eu possa seguir servindo a nossa população, sempre entregando o melhor que eu possa oferecer. Eu tenho gratidão a Deus por ter me dado mais uma oportunidade de estar aqui, assim que eu venci a última eleição de vereador, eu peguei Covid-19, a mesma sorte que Deus me deu, a minha irmã não teve (A irmã de Ribamar Silva pegou Covid e não resistiu), eu acredito que a missão dela tinha terminado e a minha continua, vou lutar todos os dias para transformar a vida das pessoas”, finaliza emocionado o presidente da Câmara de Osasco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *