Criança de 3 anos que caiu do prédio e morreu em Osasco estava sozinha

Capa Cidades

Após três dias internada, a menina de três anos que caiu do 3º andar de um prédio em Osasco,  morreu na noite da segunda-feira (31). “Ela saiu do prédio com vida. Ela me chamou bem baixinho: ‘mamãe, mamãe'”, diz M.S.C., mãe da criança.

A polícia investiga a morte de S. B. depois de cair do terceiro andar do prédio. A mãe teria deixado a criança sozinha no apartamento para ir ao térreo do edifício. Policiais do 2º DP de Osasco instauraram um inquérito policial e investigadores trabalham para esclarecer as circunstâncias que levou a menina à queda.

O caso aconteceu no Condomínio Flor de Jasmin, no bairro Conceição, em Osasco. Segundo informações inciais registradas na Polícia Civil, a criança estava dormindo quando a mãe a deixou sozinha por alguns instantes para buscar uma encomenda na portaria do prédio.

De acordo com a mãe, antes de retornar ao apartamento, foi avisada que a criança havia caído da janela da cozinha, que é o único local da casa que não possui rede de proteção ou grade. Segundo M., ela subiu em máquina de lavar roupa e caiu pela janela.

A menina foi socorrida e encaminhada ao Pronto Socorro do Hospital Regional de Osasco, com múltiplas fraturas cranianas e uma hemorragia pulmonar, por conta da queda. A Polícia Militar foi acionada, mas a criança já havia sido levada ao hospital.

A mãe de menina, não prestou depoimento no primeiro momento pois afirmou estar muito abalada. A Polícia Civil afirmou que ainda não trabalha com a possibilidade de abandono de incapaz por parte da mãe, uma vez que não houve indícios de que ela teria exposto a filha propositalmente ao perigo.

Imagens de câmeras de segurança e outras provas serão analisadas e coletadas pela polícia, para comprovação dos fatos. Um morador do prédio afirmou que ouviu a menina chamar pela mãe e quando viu, S. já estava no chão. As causas da queda ainda serão apuradas pela polícia, porém, segundo os vizinhos teria sido  um acidente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *