Para ser Feliz

Colunistas Márcio Torvano

Em uma semana…

Duas mortes na família, mas estamos aí. Quase firme e quase forte.

Começaram os debates políticos na televisão. Só para dizer que eu não assisto nenhum. Tenho minhas convicções, não preciso assistir nada.

E “Flor do Caribe”, Globo, continua ótima.

Apesar que não gosto do trabalho do ator Igor Rickli. O grande vilão da história. Mas que a trama é boa, isso é.

E neste exato momento…

Leio uma manchete. Um cantor famoso batizou o seu filho. Agora estou mais tranquilo. Passei até mal com essa informação.

Sobre a Rede TV…

Gosto do “A Tarde é Sua” da Sõnia Abrão. Mas acho bem chato quando fica o programa todo com aquele clima de mistério para revelar uma informação.

Estava reparando em algo.

Depois da Rede TV, agora é a Record fazendo sorteios. Lembra aquela época do 0900 na televisão. Era bem irritante.

Só para lembrar…

Minhas novelas preferidas são “Tieta”, “Renascer”, “A Próxima Vítima”, “O Cravo e a Rosa” e “Avenida Brasil” (isso falando da Globo).

E vejo também que o autor Silvio de Abreu pode escrever novelas novamente. Faz muita falta.

E até outro dia…

Bons filmes no ar. E aos poucos estão sumindo. Bem triste. Adoro um filme velho.

Reparando em mais uma coisinha…

Algumas novelas antigas na televisão 4K ficam estranhas. Maquiagem fica toda amarelada. E só uma reclamação, televisão 4K estraga mais fácil.

Sobre 2020…

Um ano estranho. Novela sendo reprisada no horário nobre, SBT sem Chaves e pessoas discutindo com estátuas. Jesus!

O que me preocupa? Toda hora leio que o SBT mandou funcionários embora. Triste. Que tudo se resolva logo. Adoro o SBT.

Mais uma semana que o Biel ficou em “A Fazenda”, Record. Gostei.

E minha saudade vai para…

Atriz Dina Sfat.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *