Rodolfo: o cara do Esporte de Osasco

Capa Esportes

O nome dele é uma homenagem ao ex-goleiro do Santos na década de 80, o uruguaio Rodolfo Rodriguez, o osasquense nasceu santista, mas virou palmeirense. E por falar em nascimento, o secretário de Esporte de Osasco é fruto de um verdadeiro milagre, ela nasceu prematuro com apenas cinco meses de gestação. Durante alguns anos, ele viveu no Pestana e no Califórnia e hoje é morador do KM 18 há pelo 15 anos. Rodolfo é formado em Gestão de Recursos Humanos.

Ele tem como ídolos o ex-lateral da seleção brasileira Cafú, o goleiro Marcos, o pai e a mãe. “A minha família é a base de tudo. Com apoio deles, eu chego em quaquer lugar.”

Rodolfo com a mãe Olga de Fátima, o pai Angelo Cara, o sobrinho Matheus, o irmão Renan e a cunhada Simone

Em 2006, entrou para o serviço público a convite do atual prefeito de Osasco, Rogério Lins, na recreação da Serel (Secretaria de Recreação, Esporte e Lazer), depois seguiu como assistente do então vereador Rogério Lins eleito em 2008, na Câmara de Osasco. Após a eleição de prefeito em 2016, Rodolfo Cara foi trabalhar na assessoria do prefeito, em seguida foi para o Departamento de Administração Funerária (DAF). Para muitos, um dos melhores funcionários que passou por lá. “Fiz um trabalho de humanização, eu trouxe o servidor para perto, reformamos os velórios do Santo Antônio e Bela Vista. O servidor público tem que atender bem, estamos aqui para servir e não para ser servido”. Com a competência sendo elogiada por muitos, Rodolfo recebeu um convite para ser secretário adjunto de Esporte, onde ficou nove meses, quando o titular da pasta saiu para concorrer à uma vaga na Câmara de Osasco. Rodolfo assumiu a secretaria e não saiu mais, na nova administração Rogério Lins, ele foi mantido como secretário. ”Queremos levar o Esporte para a periferia. E quero tirar a marca que a secretaria é só futebol, nós temos mais de 60 modalidades aqui!”

Luizomar, técnico do vôlei de Osasco ao lado do secretário

Como mudar essa marca que a secretaria só investe em futebol?
Nossa natação atende 1700 alunos por mês, entre alto rendimento, hidroginástica, crianças, temos a Ginástica Artística, a Rítmica que atende 1400 alunos, o boxe tem a academia de lutas, nós queremos divulgar mais isso e descentralizar. Estamos entregando a reforma do Ginásio do Baronesa. O prefeito pediu para descentralizar o esporte na cidade. Nós queremos reformar todos os ginásios. O ginásio o Prefeito José Liberatti também passará por reformas. Eu gostaria de construir um novo ginásio em Osasco ao lado do Osasquinho. Nós queremos fazer uma parceria com o governo do Estado pois eles têm uma pista de skate modular e uma quadra soçaite modular. Estamos preparando a documentação para conseguir esses dois projetos, pois poderemos levar para todos os bairros. Vamos ter uma escolinha de vôlei com o Bradesco. Quero colocar núcleos de esportes nas periferias.

Osasco vai ganhar um complexo aquático?
A nossa piscina vai ser reformada e será o maior complexo aquático da região. Está em fase de licitação, é um investimento de R$ 3,6 milhões. É um projeto de 18 meses de construção, em dois meses começa a obra no Domenico Spitalleti no KM 18. Vamos fazer um parceria com os CEUS da Zona Norte e Sul para que os moradores dessas regiões possam fazer natação nesses lugares. Nós temos os profissionais e vamos fazer uma parceria com a secretaria de Educação. Essas aulas serão no contra turno escolar.

O secretário Rodolfo Cara ao lado do prefeito e amigo Rogério Lins

E os campos de futebol com grama sintética?
Vamos entregar dois por final de semana nos próximos finais de semana, começando pelo CSU no dia 20. Serão entregues 14 campos até o final de março. Eu vou entregar muitos campos, mas tudo isso teve a participação do Tinha Di Ferreira, Delbio Teruel e Carmônio Bastos. É um projeto da cidade.

E a relação com o time de futebol o Osasco Audax?
Eu conversei com o filho do proprietário do time, o Gustavo Teixeira, nós vamos fazer uma parceria para levar as escolinhas de futebol para todos os campos da cidade, nós entramos com os profissionais e eles com os uniformes e o material esportivo.

E a Liga de Futebol Amador de Osasco (LFAO), existe algum projeto?
Sim, nós queremos fazer torneios da secretaria. Quero trazer a Copa Estudantil, escola contra escola com os jogos finais nos grandes ginásios da cidade.

E como saber o que a secretaria oferece, as atividades, os dias das modalidades?
Nós temos um aplicativo que se chama Serel App, lá tem todos os detalhes de modalidades e como participar.

Qual o legado que o senhor gostaria de deixar para Osasco?
Quero deixar um legado que quando lembrarem de mim, as pessoas digam: na época do Rodolfo nós tínhamos ginásio, tínhamos boxe, ginástica, ballet, futebol em todos os bairros da cidade e funcionando. O meu sonho é fazer um esporte melhor para a cidade de Osasco. Nós já fomos conhecidos como cidade do Esporte. O Rogério Lins me deu oportunidades, tenho muita gratidão por ele. Ele sempre foi humilde comigo. E vou retribuir esse carinho trabalhando pela cidade.

1 thought on “Rodolfo: o cara do Esporte de Osasco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *