Câmara de Osasco autoriza aplicativo para taxistas

Política

A casa de leis osasquense aprovou em segunda discussão, o projeto que prevê aos taxistas, benefícios semelhantes aos dos motoristas de aplicativos, outra mudança importante do projeto foi a idade máxima de uso dos carros passando de 5 para 8.


 

A Câmara Municipal de Osasco aprovou em sessão ordinária nesta terça-feira (16) o Projeto de Lei (PL) 152/2018, que altera a regulamentação do serviço de táxi na cidade.
A proposta permite que os motoristas sejam demandados por meio de aplicativos autorizados pelo poder público municipal.
De acordo com a Prefeitura, que é a autora do projeto, a mudança na legislação era necessária por conta do uso crescente de aplicativos de transporte pela população.
“Com relação aos táxis, os aplicativos para os usuários chamarem táxis pelo smartphone também são cada vez mais utilizados em todo o país, proporcionando agilidade no atendimento de chamadas, sem qualquer custo adicional ao passageiro”, afirma o Executivo na justificativa do PL.
A proposta também aumentou de cinco para oito anos a idade máxima dos veículos que podem ser utilizados como táxis.
O Projeto de Lei 152/2018 foi aprovado em segunda discussão e agora depende da sanção do Prefeito Rogério Lins (Podemos) para virar lei.
Essa era uma reivindicação antiga dos taxistas da cidade, que sofreram bastante após a chegada dosque está prestes a ser atendida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *