MMA

Colunistas Sem Mordaça

Há muito tempo as sessões ordinárias da Câmara Municipal de Osasco, com raras exceções, tem discussões acaloradas entre vereadores da situação e oposição ao governo do prefeito Rogério Lins. Já houve entrevero um pouco mais sério entre alguns edis, mas nada se compara com o acontecido na sessão da última terça-feira, envolvendo os vereadores Tinha Di Ferreira e Pelé da Cândida. A discussão entre eles foi muito forte e além das agressões verbais por pouco não acontece a agressão física. A sessão foi interrompida pelo presidente Ribamar até que os ânimos serenassem.

Verdades
Na vida três coisas não voltam atrás: o tempo, as palavras e as oportunidades. Há três coisas que você não pode perder: a paciência, a esperança e a dignidade e também outras três que valem mais que qualquer outra, ou seja, amor, princípios e a confiança. E ainda três coisas definem uma pessoa: honestidade, trabalho e resultados e outras três destroem uma pessoa: remorso, orgulho e a raiva. E mais, três coisas difíceis de dizer: te amo, te perdoo e me ajude.

Caiu mais um

A pasta da Comunicação Social da prefeitura de Osasco no atual governo, no período de quase 29 meses, já teve o comando de cinco secretários, a saber, Emilia Cordeiro, José Bento, Franz Felipe, Renata Poletti e Pedro Souto Maior que deixou a secretaria na última terça-feira. Logo o prefeito Rogério Lins deverá anunciar o novo titular. Qual será a razão de ninguém se fixar na pasta?

Repercussão
A matéria do jornal Correio Paulista, na edição da última sexta-feira, com o título Osasco inaugura o maior Hospital Veterinário Público do Brasil, viralizou no site correiopaulista.com e até a tarde desta quinta-feira, 23, já contava com mais de 312 mil curtidas. Realmente, num país com 5407 municípios, conta-se nos dedos aqueles que possuem este tipo de atendimento gratuito aos pets.

Rejeição

Na sessão ordinária da terça-feira, 21, da Câmara Municipal de Carapicuiba, a maioria dos vereadores, acompanhando os pareceres do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo sobre algumas irregularidades encontradas, votou pela rejeição das contas da prefeitura referentes ao exercício de 2015, do governo do ex-prefeito Sérgio Ribeiro (PT).

Lentidão
Em 2010 protocolamos na prefeitura de Osasco, solicitação da poda ou corte de uma árvore (Tipuana), de copa ampla e densa, com raízes agressivas e de madeira frágil e com risco de queda, o que poderia acarretar danos irreparáveis (escola e igreja próximas). No início de 2011 o Meio Ambiente da prefeitura protocolou o pedido na então Eletropaulo, já que os galhos atingem a alta tensão. Oito anos após e nada. Agora, o atual secretário Marcelão do Meio Ambiente, acompanhando matérias de nosso periódico, entrou no circuito e encaminhou no último dia 10, nova solicitação a ENEL. Esperamos que a companhia tome urgente providência pois o pe rigo aumenta a cada dia.

Mérito
Ao usar a tribuna na sessão ordinária desta quinta-feira, na discussão de uma moção apresentada pelo vereador Tinha Di Ferreira, o vereador Alex da Academia fez questão de afirmar, que a redução do quadro de assessores de cada vereador, antes num total de 20, depois 16 e na sequência 8 como o é hoje, deve-se a ação do Ministério Público e não a algum presidente do legislativo ou à mesa diretora.

Curto & grosso

Na mesma sessão, o vereador Didi (PSDB) disse que seu partido, vai realmente ter um candidato a prefeito nas eleições do próximo ano, mas que esse candidato, será o tucano que for escolhido em votação pelos filiados. “Não vai ter indicação para esse ou aquele, o voto do filiado é quem decide”. E mais, Didi acha que é preciso reduzir e não aumentar o número de vereadores na Câmara de Osasco. Hoje são 21, ele achava há algum tempo que 15 seria ideal para atender e representar a comunidade e agora Didi afirma que bastam 13 vereadores.

Prefeiturável

O colunista do Correio Paulista, Record News e Metro News, Tony Auad, foi surpreendido ao filiar-se ao partido político Democracia Cristã, ex-PSDC, com o convite feito pelo presidente José Maria Eymael, para que ele concorra a prefeito da cidade de São Paulo nas eleições de 2020 pela agremiação partidária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *