Troféu Imprensa

Hoje início a minha coluna comentando a transmissão do Troféu Imprensa no último domingo pelo SBT. Tenho grande respeito por Sílvio Santos que faz parte da história da Televisão Brasileira,mas percebe-se que ele está perdendo o controle da emissora.
A ideia de se escolher os melhores da Televisão Brasileira é louvável se os critérios não fossem tão antiquados como por exemplo quando se escolheu os Telejornais deixaram de fora o Jornal da Record e o Jornal da Band num erro grotesco.
Não foi diferente na escolha da melhor atriz onde Débora Secco ficou de fora parece até armação. Sílvio é carismático e sabe segurar a audiência, mas precisa se informar mais e não deixar nem o auditório e nem os telespectadores perceberem as suas preferências,
Já o corpo de jurados formado por alguns jornalistas de destaque na mídia e por outros que nem deveriam estar lá em razão do nada haver com o assunto diretamente ligado á premiação, A apresentadora Eliana,como sempre cutucou Sílvio Santos quando o assunto foi casamento em família.
Fazendo comparação por ela não ter casado afirmando que Patrícia Abravanel também não se casou em razão disso ele (Sílvio) não poderia critica-la pois nesse aspecto do casamento a sua filha também não havia casado, Sílvio desconversou.
As escolhas das categorias ficaram muito a desejar onde só Globo e SBT tiveram suas programações escolhidas o que na minha opinião acabou não pegando bem. Mas Sílvio com a sua simpatia conduziu o programa com muita categoria,
Entretanto o apresentador mais popular do Brasil, deu canseira em determinados jurados, pois o apresentador esquecia de chama-los para dar a sua opinião e as vezes repetia o mesmo convidado que tinha a sua preferência.
O Troféu Imprensa, foi criado pelo Jornalista Plácido Manaia Nunes (Já falecido) que na época dirigia uma grande revista de circulação nacional e resolveu homenagear os melhores da TV em todas as categorias, em 1994 este colunista fez parte do juri.
A coluna não tem por objetivo de criticar esse ou aquele, pois respeita a ética mas cumpre seu papel de informar, porém as críticas construtivas servem para melhorar e corrigir os erros costumeiros que possam vir a favorecer esse ou aquele.

Frase Final: Experiência é algo que sempre penso que tenho, até obter mais dela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here