Metalúrgicos terá grama sintética, novo asfalto e led

O prefeito Rogério Lins, esteve no Conjunto dos Metalúrgicos no último sábado. Acompanhado do vereador Alex da Academia, o prefeito retornou ao bairro para, desta vez, anunciar a reforma do campo de futebol no Parque Manoel Manzano. A obra inclui a tão esperada grama sintética e outras reformas. O pontapé inicial foi dado e, logo em seguida o prefeito botou uniforme e participou de uma partida com um time do bairro. Em sua fala prometeu melhorias como asfaltamento das ruas, instalação de lâmpadas led e a construção de uma EMEI que servirá além do bairro, o Residencial Alemanha.

 

Campo do Eduardão deve mudar

A surpresa daquela manhã foi a desapropriação, através da justiça, de parte do Campo Sul Minas, fundado pelo ex-vereador Eduardão, que fica ao lado do Metalúrgicos. O prefeito explicou que está mantendo contato com o proprietário de parte do terreno para uma permuta. A prefeitura repassaria a parte que pertence ao município e em contra partida seria construído ao lado do Parque Manoel Manzano outro campo que seria o novo campo do Sul Minas. Existe, ainda, a possibilidade de construção de duas quadras de futebol de salão no local .

 

Vizinhança solidária já está valendo 

O prefeito Rogério Lins sancionou a Lei nº 5014 que passa a autorizar a atuação da GCM no projeto ‘Vizinhança Solidária’. A proposta já havia sido aprovada, em segunda votação, pela Câmara de Osasco, em 24 de outubro. Agora a GCM e a Polícia Militar poderão atuar em conjunto em ações, que por meio de parceria com a comunidade, visam intensificar o combate à criminalidade em Osasco. Segundo o vereador Josias da Juco (PSD), a ideia é aumentar o escopo do programa estadual, com a participação da Guarda Civil Municipal na interação com os moradores. “Osasco é o primeiro município do estado de São Paulo a incluir a GCM no programa”, esclarece Josias que é presidente da Frente Parlamentar de Segurança Pública. Cada rua ou quarteirão tem um grupo de Whatsapp, meio pelo qual os moradores se comunicam e cada grupo é coordenado por um tutor. “Qualquer movimentação estranha, como um veículo ou motocicleta circulando pelo bairro é reportada no grupo, principalmente se percebido pelas imagens das câmeras instaladas nas vias públicas pelos moradores, fazendo com que o tutor daquele grupo comunique as forças de segurança”, diz Josias autor do projeto.

 

19 anos depois, a homenagem 

João Batista Bezerra da Silva finalmente recebeu uma homenagem que estava praticamente esquecida. O Cartão de Prata oferecido pelo então vereador Mario Tenório Cavalcante no ano 2000 ao antigo vendedor de cachorro quente, muito conhecido no Calçadão da Antonio Agú, foi entregue dia 19 e teve presença dos vereadores Josias Nascimento (PSD) e Ana Paula Rossi (PR), De Paula (PSDB) e o ex-vereador autor da comenda Mario Tenorio. Presente também, o secretário-adjunto da secretaria de governo, Jorge Poio. “Há mais de 50 anos, saí de Olinda para tentar a vida em São Paulo e fui recebido em Osasco, onde tinha alguns familiares. Aqui construí minha vida, constitui família e me envolvi nas lutas da cidade”, relatou emocionadamente nosso amigo Bezerra.

 

Todos irmãos, independente de cor

No dia 20 de novembro, na Câmara Municipal de Jandira, a Diretoria de Políticas para Mulher e Igualdade Racial, realizou solenidade em homenagem ao Dia da Consciência Negra. O evento contou com a presença de diversas lideranças da comunidade negra, secretários, diretores, além da população que prestigiou a importante data, que há alguns anos é feriado municipal. A solenidade contou com a presença do palestrante da causa negra, Ivan Renato de Lima, presidente do Conselho de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra do Estado de São Paulo que narrou um pouco da história do negro no Brasil, passando pela escravidão, abolição, a discriminação social, das políticas para o negro e também como hoje é visto o negro no Brasil.

 

Os 80 anos da deusa da poesia

Este espaço dedico a uma amiga de muitos anos. Afinal, trata-se de aniversário de 80 anos, comemorado numa festa com 80 convidados, no Espaço Rafima em Osasco. Ela é a poetisa mais famosa da cidade e da região; nossa amiga Maria Rosa Alves; Dona Rosa para os íntimos. Uma maravilhosa festa com a organização dos filhos, netos e bisnetos foi realizada. Servidora pública de carreira, na prefeitura de Osasco, e agora aposentada, Rosa gosta de recordar os bons momentos vividos em Osasco, cidade escolhida quando chegou de Minas Gerais com a família.

 

Amor por Osasco

Muitas lembranças de homenagens estão emolduradas na parede de sua casa. Dentre as tantas a de Boa Esperança, quando se tornou membro da Academia Dorense de Letras do estado de Minas Gerais. Em Montes Claros, idem. Em Osasco homenagens da Câmara Municipal e na capital paulista também. Enfim, são muitas recordações de reconhecimento. Nesse curto espaço, reafirmo os parabéns à nossa deusa poeta pela passagem de seu aniversário. Que continue nos contemplando com seus poemas maravilhosos, em seus dedicados livros, por muito tempo e com muita saúde.

 

Bilhete único começa valer 

Na sessão ordinária de terça-feira, 26, o projeto de lei 102/2019 da prefeitura de Osasco que altera a Lei n° 4201, de 16 de janeiro de 2008, foi alterado por 16 vereadores que votaram favoráveis. A lei dispõe sobre a bilhetagem eletrônica no serviço de transporte público de passageiros no Município de Osasco e inclui o capítulo V, que disponibiliza sobre a instituição do Bilhete Único, com integração tarifária.

 

Mais tempo e mais guichês  

Prometido no plano de Governo do prefeito Rogério Lins, o projeto original apresentado pelo Executivo disponibilizava o uso da mesma passagem para duas linhas, contanto que fosse dentro de 60 minutos. Mas uma emenda do vereador Ni da Pizzaria (foto) acrescentou mais 30 minutos, passando o uso da mesma tarifa para uma hora e meia. O projeto deverá voltar à pauta do Legislativo de Osasco nesta quinta-feira para ser aprovado em segunda discussão, em seguida segue para ser sancionada. A promessa do prefeito Rogério Lins, feita anteriormente, é que o bilhete único começaria a ter validade a partir do dia 1 de dezembro. Está prometido também a expansão de guichês para carregar o cartão BEM (Bilhete Eletrônico Municipal).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here